Prioridades...


No início de 2017 gravei um vídeo para o canal contando quais seriam as minhas metas para esse ano. Dessa vez eu não quis exigir de mim mais do que eu sabia que poderia e, por isso, tentei ser o mais pé no chão possível com as minhas expectativas. Das poucas metas que me estipulei (cinco, se não me engano) uma delas era postar vídeos com frequência no canal (pelo menos 1 por semana). De lá pra cá doze vídeos foram postados. Nove meses, doze vídeos. Pouquíssimo, eu sei. Por um lado fico feliz pelos vídeos que postei, porque dei o meu melhor em conteúdo, edição, e, mesmo que eu tenha um tique em me assistir, são vídeos que eu gosto do resultado. Por outro lado, fico um pouco decepcionada por não ter conseguido cumprir aquilo que foi combinado comigo mesma lá em janeiro. 

De uns meses pra cá cada vez mais eu entendo que não consigo fazer tudo ao mesmo tempo. Não por preguiça, por desânimo, ou por falta de planejamento, mas simplesmente porque: ou eu faço algo às pressas e mal feito só para publicar qualquer coisa (na ilusão de que estaria cumprindo minha meta), ou eu produzo algo bom e que vou me orgulhar depois. Fico com a segunda opção! Só que para isso eu preciso de tempo, e isso é o que eu menos tenho tido nos últimos meses...

Esse texto talvez esteja parecendo com o muro das lamentações, mas não, está longe disso. Eu só estou deixando registrado aqui que eu entendi as minhas prioridades. Estou no final da faculdade, fazendo estágio, e começando o meu TCC (eu ouvi um amém?). Aí, além disso, tenho curso de francês aos sábados (acabo o primeiro módulo na semana que vem! ueba!), ou seja, só me resta a tarde de sábado e o domingo para me dedicar ao blog e ao canal (coisas que eu amo e nunca vou largar!) e ainda dar aquela estudadinha básica para a faculdade.

Eu costumava gravar para o canal durante a semana, assim que chegava da aula, mas agora, com o estágio, meu cronograma foi por água abaixo. Por isso tenho focado bastante no blog e criado bastante conteúdo para cá. É muito mais fácil abrir o notebook e escrever, porque posso fazer isso à noite, com a casa vazia ou não, e não dependo da luz do sol, do cenário, ou do silêncio. E a verdade é que, mesmo um pouco triste por deixar o meu canal "abandonado" durante esse tempo, estou extremamente feliz e satisfeita com o que tenho feito por aqui!

E é isso, né. A gente vai dando um jeito daqui e dali, para equilibrar tudo aquilo que a gente gosta de fazer. Ou quase tudo. Nem sempre é possível abraçar o mundo e fazer todas as coisas darem certo ao mesmo tempo. E não tem nada de errado nisso. Eu sei que é só uma fase que eu preciso passar. Escolhas que eu preciso fazer. Prioridades...

Eu só queria mesmo desabafar e dizer a mim mesma que eu estou dando o meu melhor sim! E que aquela história de que "quem quer dá um jeito", meu bem, NÃO MESMO.

    

0 comentários:

Postar um comentário

Oi! Me conta o que achou do post! Vou adorar ler sua opinião! :)