| Now is good

terça-feira, agosto 23, 2016

 Sabe aquele filme lindo em todos os sentidos? Então, eu posso dizer que Now is Good é bem assim. 
 Protagonizado por Dakota Fanning e Jeremy Irvine, Now is Good (ou Agora e Para Sempre) conta a história de Tessa, uma menina de 17 anos que sofre de leucemia em estado terminal. Depois de experimentar diversos tipos de tratamento que a deixavam extremamente debilitada e não davam os resultados esperados, Tessa decide abrir mão de todos eles para ter energia e vontade de viver os poucos meses de vida que ainda restam.
 Disposta a aproveitar a vida de todas as formas, a jovem faz uma lista com tudo o que deseja fazer antes de morrer. Entres os itens legais e... ilegais (haha) estão: perder a virgindade, usar drogas, fazer uma tatuagem, participar de um roubo e... ter seu nome marcado no mundo.
 Após uma tentativa de primeira vez mal sucedida, uma decepção com sua melhor amiga, e discussões intermináveis com seu pai, a menina vai ao jardim da casa ao lado, onde há uma fogueira acesa, queimar coisas e objetos que a fazem mal e trazem lembranças ruins. É quando conhece Adam, seu novo vizinho, e com quem vive uma bonita, breve, porém intensa, história de amor.


 Tessa tem uma complicada relação com os pais. Sua mãe nunca soube lidar com a doença e seu pai a trata com uma criancinha, na tentativa de protegê-la demais. Com isso, é Adam quem acaba trazendo a leveza e a adrenalina que sua vida precisa.



 O jovem, que acabou de perder o pai e de conseguir uma vaga na faculdade, se vê, de repente, completamente apaixonado por sua vizinha com leucemia. É natural e compreensível o medo de se entregar a um amor que logo terá um "fim". Achei muito bonita a forma como foi contada a história dos dois. Adam é quem dá sentido aos últimos dias de Tessa. Ele a ama mesmo sabendo que vai perdê-la. Mesmo sabendo que ela irá embora, e ele é quem ficará aqui sozinho.


"Eu vou voltar como outra pessoa. Como uma garota de cabelos compridos que vai te encontrar e perguntar o que está estudando. E vai ser amor à primeira vista... de novo."

 De início, pensei que o filme ia ser um genérico de A culpa é das estrelas, pela protagonista ter câncer e até pela fisionomia de Hazel e Tessa serem parecidas. Mas me enganei. Now is good tem suas próprias características, tornando-se uma obra muito especial. Além de ter uma fotografia impecável, Dakota arrasando como sempre, e um diretor (que pelo que li) é bastante conceituado, o filme passa uma linda mensagem: a de que a vida precisa ser vivida. E a gente não pode se dar conta disso só quando está morrendo.

"Momentos. Nossa vida é uma série de momentos, cada um, uma viagem para o fim. Desapegue. Desapegue-se de tudo."

 Uma menina com câncer terminal que descobre o amor pouco antes de morrer. Mais um clichê pra nossa lista! Mas quem não ama clichês? ❤ Now is Good se destaca pela estética e pelos diálogos, apostando em frases marcantes e cenas que grudam na memória. No fim é impossível fugir das lágrimas.


 Sabe aquele filme que você nunca ouviu falar, por um acaso descobre e, quando vai ver, ele entra pra lista de favoritos da vida? Então... 

 E você, já viu Now is Good? Ficou com vontade de ver? Me conta nos comentários! Espero que tenha gostado desse primeiro post sobre filmes aqui no blog!  :)

Um beijo e até o próximo post!
Tchaaau!



|facebook | grupo | instagram | twitter | tumblr | youtube|

VOCÊ TAMBÉM PODE GOSTAR DE

0 comentários

Oi! Me conta o que achou do post! Vou adorar ler sua opinião! :)